“Em vez de”

“Em vez de” cruza considerações sobre a produção, a presença, o esforço, a exposição ao olhar do outro. A estrutura repetitiva do trabalho, que sobrepõe diferentes tipos de matérias em loop, constitui-se a partir de uma alusão ao mito de Sísifo, segundo a descrição realizada por Albert Camus no seu livro com o mesmo nome.
Este trabalho configura-se a partir de tensões presentes num processo de acumulação de imagens activadas fisicamente, provocando alegorias bizarras, criando manifestações disformes de figuras contaminadas por referências e camadas de adereços, permitindo ao corpo embrenhar-se nas suas próprias contradições. Da dificuldade em separar o que é produto e o que é processo surge a necessidade de pensar de que forma a plasticidade permite habitar espaços entre as imagens, convidando o olhar à necessidade constante de repensar fronteiras e modos de apreensão, de percepção do que nos rodeia.
Pensar possíveis relações entre imagem, arquivo, memória e performance colocam à partida em evidência diversas impossibilidades e armadilhas. Talvez  o melhor a fazer seja engendrar formas de desarrumar memórias, de amplificar sinais do tempo, de desorganizar referências, configurando o corpo enquanto monumento ambulante, suporte de composições detonadas por dentro da sua própria estrutura.

Joclécio Azevedo

Joclécio Azevedo nasceu no Brasil em 1969. Vive e trabalha no Porto desde 1990. Desenvolve o seu trabalho criativo desde 1999, integrando performances, coreografias e processos de documentação. Participa regularmente em projectos de colaboração, reflexão em torno de práticas performativas e residências artísticas realizadas em diversos contextos. Paralelamente trabalha como performer em projectos de outros criadores e desenvolve acções de formação na área das artes performativas. Foi director artístico do Núcleo de Experimentação Coreográfica entre 2006 e 2011. Artista residente da Circular Associação Cultural em Vila do Conde em 2012 e 2013.
www.contentor.org

Jordann Santos

Nasceu em Paris, 1983. Em 2002, concluiu o Art Foundation em Suffolk, Reino Unido, tendo posteriormente frequentado os cursos de Fashion Design na Brighton Fashion School e de Design de Moda no Citex, no Porto. Desde 2008, tem vindo a apresentar as suas colecções Autopsy no Portugal Fashion. Tem vindo a colaborar com criadores ligados às artes performativas no design de figurinos e cenografia. Lecciona na Escola de Moda do Porto.

Conceito e interpretação: Joclécio Azevedo
Colaboração: Jordann Santos
Vídeo: Insónia Audiovisual

© 2017 Curtas Vila do Conde