Biografia :: Ricardo Jacinto



Lisboa, 1975
Violoncelista, artista plstico e compositor focando a sua atividade artstica e musical na relao entre som e espao, ancorada numa pesquisa transdisciplinar entre Msica, Arquitetura e Escultura. Desde 1998 apresentou o seu trabalho artstico em exposies, concertos e performances em Portugal e no estrangeiro e colaborou extensivamente com outros artistas, msicos, arquitetos e intrpretes. Formou-se em Arquitetura (FAUTL) e Escultura (AR.CO) e atualmente Bolseiro da FCT enquanto investigador de Doutoramento em Msica e Artes Sonoras no Sonic Arts Research Center da Queens University Belfast. Foi aluno na School of Visual Arts em Nova Iorque e artista residente na Cit International des Arts em Paris. membro fundador do Colectivo OSSO: plataforma de criao e programao no mbito dos cruzamentos disciplinares.

Apresentou o seu trabalho de instalao intermedia em exposies individuais e coletivas em locais como: Fundao Calouste Gulbenkian_Lisboa, CCB_Lisboa, Crculo de Belas Artes_Madrid, MUDAM_Luxemburgo, Centro Cultural Gulbenkian_Paris, Manifesta 08_Bienal Europeia de Arte Contempornea_Itlia, Frac Loraine_Metz, OK CENTRE_Linz_ustria, Culturgest_Lisboa e Porto e Casa da Msica_Porto. Em conjunto com o Arquiteto Pancho Guedes foi representante oficial de Portugal na Bienal de Arquitetura de Veneza 2006. Na Culturgest (Lisboa e Porto) apresentou em 2008 uma extensa reviso dos seus trabalhos de instalao e performance desde 1998. O seu trabalho artstico est representado em vrias colees de arte: Fundao de Serralves, Caixa Geral de Depsitos, Fundao Leal Rios, Fundao PLMJ, Coleo Antnio Cachola e Fundao EDP. Entre 2006 e 2017 foi representado pela Agncia de Arte Vera Corts.

Como violoncelista tem sido ativo no campo da msica improvisada e electroacstica em diversas formaes e com diferentes msicos: Jean Luc-Guionnet, Nuno Torres, Pascal Niggenkemper, Angelica Salvi, Joo Pais Filipe, Rodrigo Pinheiro, David Maranha, Norberto Lobo, Ernesto Rodrigues, Lus Lopes, Pedro Rebelo, C Spencer Yeh, Diogo Alvim, Shiori Usui, Manuel Mota, Simon Rose, Adriana S, Gustavo Costa, Helena Espvall, Miguel Carvalhais, entre muitos outros. J se apresentou em concerto em diferentes locais em Portugal e no estrangeiro: Fundao de Serralves_Porto, Palais de Tokyo_Paris, Festival VERBO_So Paulo, Festival Temps d'Images_Lisboa, Festival Rescaldo_Lisboa, Festival BigBang_CCB_Lisboa, Culturgest_Porto e Lisboa, ZDB_Lisboa, DanceBase_Edimbrugh, Ausland_Berlin, Kabinett 0047_Oslo, Stadtgarten_Koln, Ferme du Buisson_Paris, Teatro Maria Matos_Lisboa, Fundao Calouste Gulbenkian_Lisboa/Paris ou Festival ENSEMS_Valencia. Actualmente membro do quarteto de cordas Beat the Odds (dir. Pascal Niggenkemper c/ Elisabeth Codoux e Felicie Bazelaire), do trio Harmonies (c/ Joana Gama e Luis Fernandes), do trio The Selva (c/ Gonalo Almeida e Nuno Moro), do quarteto de Norberto Lobo (c/ Marco Franco e Yaw Tembe), do Ensemble Lisbon Freedom Unit (c/ Luis Lopes, Rodrigo Amado, Pedro Lopes, Gabriel Ferrandini, Bruno Parrinha, Hernani Faustino e Rodrigo Pinheiro) e do duo CACTO (c/ Nuno Torres). Depois de dirigir o coletivo PARQUE entre 2001 e 2013, com apresentao de exposies e concertos nos principais centros de arte contempornea portugueses (CAM_Gulbenkian, Culturgest ou CIAJG), desde 2014 tem apresentado o seu projeto a solo Medusa (concerto-instalao para violoncelo, eletrnica e objetos ressonantes) em Portugal e Europa: Lisboa, Porto, Guimares, Cceres, Belfast, Cork, Dublin, Odense ou Paris.

A sua discografia est editada pela Clean Feed, Shhpuma e Creative Sources, incluindo tambm vrias colaboraes em discos de @C, Phonopticon (Sonoscopia) ou Variable Geometry Orchestra (dir. Ernesto Rodrigues). Tem colaborado tambm em projetos de Dana e Performance como Compositor/Improvisador ou Cengrafo: Marlene Freitas, Beatriz Cantinho, Co Solteiro ou Marino Formenti.

© 2019 Curtas Vila do Conde