RUI TOSCANO


A Solar, neste novo ciclo iniciado em 2018 e com mais uma exposio dedicada a um artista portugus, prossegue com Rui Toscano a sua linha de programao, promovendo dilogos possveis entre reas artsticas supostamente distintas, entre as artes-plsticas, o cinema e a msica. Assumindo a divulgao de aspetos particulares na obra de artistas nacionais consagrados como um dos seus propsitos, considerando que Rui Toscano pertence a uma gerao que h mais de duas dcadas vem marcando o panorama nacional das artes-plsticas e que atingiu repercusso internacional, a galeria prope uma revisitao de momentos especficos do seu percurso artstico, sobretudo daqueles em que o vdeo ou a sua projeo se torna numa das frmulas possveis da apresentao final das suas obras. Enquanto instalaes, estas obras ganham um novo contexto espacial, de percurso e de significao, que at ao momento no ter sido possvel apreciar, articulando-se de forma engenhosa com a arquitetura e com os materiais do prprio edifcio, chegando, at, a dispensar a interposio de crans.

no processo de construo de cada obra que aqui se apresenta que se encontra, tambm, a sustentao e pertinncia desta exposio. Por um lado, o facto dos vdeos partirem de desenhos, da experincia plstica pura, que por serem filmados e depois projetados, consubstanciam, depois, uma transposio de suportes. Como se o ponto de partida fosse, afinal, o ponto de chegada: do plano do desenho, no qual se adquire uma sintetizao da realidade; ao de filmagem e montagem, que o anima e prolonga seguindo impulsos musicais; ao de projeo, onde essa realidade encontra uma nova existncia sonora e visual. Por outro lado, a proximidade da obra de Rui Toscano com a cultura pop/rock, no s pelas contaminaes subjacentes a um imaginrio quase geracional, mas tambm pela diversidade de interaes criativas, sobretudo pelas colaboraes com msicos.

O desenho e a msica so, portanto, os elementos basilares na conceo dos dispositivos que integram esta exposio e que trabalham imagens em movimento. E a propsito da relevncia da msica no trabalho de Rui Toscano, na abertura da exposio, prope-se um concerto de Rafael Toral, performer/compositor da banda sonora de Journey Beyond the Stars, acompanhado por Riccardo Dillon Wanke. Sobre a obra de Rui Toscano, em particular de Antenna, instalao que integra a exposio, Bruno Marchand escreve:

semelhana do que acontece com algumas obras recentes deste artista, Antenna traz para o centro do seu campo de sentido a noo de canal como instncia que veicula um processo de conexo ou de transferncia, mais do que como suporte de um contedo declarado e objetivo. Encapsulada [...] na representao da atividade de uma antena encontra-se, de facto, esta dimenso abstrata do estar entre tanto quanto a imagem fona de uma encriptao inatingvel. Em certo sentido, o que tem lugar num canal no propriamente determinvel porquanto no lhe consigamos vislumbrar um contexto, localizar um referente, um cdigo, uma vontade, uma razo, uma histria, um capricho. Ao privar o espectador do acesso a qualquer outra informao que no a indispensvel para um reconhecimento, Rui Toscano impe um carter absolutamente genrico [...] s antenas que habitam esta exposio. Tambm por isso, elas so smbolos de uma potncia muito mais do que concretizaes particulares de uma funo. Desta ausncia de toda a especificidade sobeja a imagem depurada de um arqutipo, a estrutura descarnada do paradigma comunicacional da nossa era, cuja essncia se confunde com a vacuidade expressiva e a cadncia binria de um refro: Im the Antenna / Catching vibration / Youre the transmitter / Give information.



Exposio 24.11.2018 19.01.2019

Horrio
24.11.2018 19.01.2019 SegSb / 14:0018:00

Abertura da exposio 24.11.2018 Sb 17:00
Concerto de Rafael Toral / Riccardo Dillon Wanke

Solar, Galeria de Arte Cinemtica

Entrada Gratuita

Solar de So Roque
Rua do Lidador
Vila do Conde
T 252 646516
solar@curtas.pt

www.curtas.pt/solar
facebook.com/solar.gac


ORGANIZAO - FICHA TCNICA

Coordenao
Mrio Micaelo

Assistente de Coordenao e Produo
Pedro Dourado

Equipa de Montagem
Pedro Dourado
Ricardo Ramos

Apoio Produo
Cndida Martins
Joaquim Pinheiro
Hugo Ramos

Comunicao e Imprensa
Cline Valente

Servio Educativo
Ana Catarina Ferreira

Fotografia
Joo Brites

Design grfico
Joo Faria
drop.pt

Spot vdeo
Loop Audiovisual Studio

Direo artstica
Mrio Micaelo
Miguel Dias
Nuno Rodrigues

Organizao
Curtas Metragens CRL
Solar - Galeria de Arte Cinemtica

Solar - Estrutura Financiada por

Cmara Municipal de Vila do Conde
Repblica Portuguesa Cultura / Direo-Geral das Artes

Apoios

UHU
DCN beers + Duvel
Arga Tintas

Apoios divulgao
Metro do Porto
Centro Nacional de Cultura
Rdio Linear
Jornal Vilacondense
Cision

Agradecimentos
Cristina Guerra Contemporary Art
Joo Paulo Feliciano
Helder Lus

© 2019 Curtas Vila do Conde